terça-feira, 12 de junho de 2007

Dia da solidão

Dia dos namorados.

Acordo e penso que é apenas um dia comum, vou trabalhar e na rua me dou conta da data comercial no 12 de junho. Logo pela manhã já vejo aquela movimentação no comércio, vejo casais pra lá e pra cá, de mãos dadas, braços dados, se beijando, rindo, discutindo, se batendo, etc. Flores, ursos, cestas, cartões.
No trabalho é aquela melação pra todos os lados dos funcionários que namoram, planos pra noite, surpresa quanto ao presente que será dado e tudo mais que é típico dos namorados e que causa inveja nos solteirões.
Mas uma força divina me predestinou à solidão. Desde o útero até o túmulo...
Estarei como esse cara da foto, sozinha em todos os cantos, mesmo que haja pessoas ao meu redor.

2 comentários:

delírios disse...

eita, quem disse q a sua felicidade está atrelada a outra pessoa??? hein...

eu passei o dia da árvore/namorados, afinal é tudo na mesma data com meus amigos! hauhaaa... eu fui com eles no coquetel de abertura do Congresso, eu não participo mas fui lá comer e beber vinho de graça! hauahaa...

"é preciso saber viver!"

DIARIOS IONAH disse...

MARIANA,
VOCE EH
A PROPRIA NAMORADA
SOLITARIA.TENHO CERTEZA QUE
UM MONTAO DE GATINHOS ESTAO POR AI
BABANDO PELOS SEUS CAMINHOS!